Autor: Samuel Berry (page 2 of 12)

Tudo sobre empréstimo com maquininha

Aposto que você não sabia que é possível fazer um empréstimo com maquininha. Então, você precisa saber como fazer um empréstimo com maquininha. Por isso, nós vamos te ensinar tudo sobre empréstimo com maquininha.

Esse tipo de recurso nas maquininhas é uma novidade bastante interessante. Existia um tempo que os microempreendedores ou o profissional autônomo não podiam ter a oportunidade de fazer empréstimos, isso, porque, eles não têm uma forma de comprovar uma renda fixa.

Foi vendo isso que as empresas de tecnologia financeira, conhecidas como fintechs, vieram com essa grande novidade. Agora é possível realizar empréstimo com maquininha. E é tão simples como você pode imaginar.

Com qual empresa consigo fazer um empréstimo com maquininha?

Até a data da publicação desse artigo, somente duas empresas oferecem a opção de empréstimo com maquininha, são elas: Mercado Pago e PagSeguro. Nas duas situações, fazer empréstimo com maquininha é muito simples e fácil.

Fazer um empréstimo com maquininha da PagSeguro

Se você é uma das milhares de pessoas que possui uma máquina de cartão moderninha, e você está vendendo seus produtos há mais de seis meses pela maquininha, tem um histórico de crescimento de vendas e um faturamento mínimo de R$ 300,00, então, você está apto para solicitar um empréstimo com maquininha da PagSeguro.

O valor disponibilizado para empréstimo com maquininha pela PagSeguro é de R$ 300,00 e uma taxa de juros de 2,99%.

Fazer um empréstimo com maquininha do Mercado Pago

Para as pessoas que trabalham com as maquininhas da Mercado Pago, as possibilidades de empréstimo são maiores, isso porque, a empresa libera o valor de até 50 mil reais para operações de empréstimo com maquininha. Para isso, ela irá avaliar o seu perfil e te contactará. Para isso acontecer, você deve faturar mais de R$ 100,00 por mês e ter uma reputação de cor verde no site do mercado livre.

O bem estar do seu bebê: Cure doenças como resfriado e ansiedade com o âmbar báltico

Você já reparou em um colarzinho da cor laranja que muitas mães & filhos vêm usando? O nome desse colar é colar de ambar baltico e hoje vamos falar um pouquinho sobre esse acessório, que além de tudo é uma propriedade de cura.

Ultimamente muitas mamães vem aderindo a colares e pulseiras que prometem dar o que falar, por se tornar uma febre e prometer tantos benefícios, resolvemos criar um conteúdo que aborde o que é o âmbar báltico e o que ele pode fazer pela saúde.

 Primeiro, o que é âmbar báltico?

O âmbar báltico nada mais é que uma pedra – ou uma resina fossilizada – vinda do Mar Báltico, localizado no continente Europeu.

A pedra contém propriedades (como o ácido succínico por exemplo), que cientificamente falando, promovem a cura de doenças e alívio de outras.

O âmbar báltico há muitos anos atrás, na época em que até mesmo os remédios eram plantas, foi utilizado como um dos tipo de remédio natural. Rs

Brincadeiras a parte, hoje em dia utiliza-se a pedra em forma de acessório como colares, pulseiras ou tornozeleiras.

Quais os benefícios?

Especialistas afirmam que a resina ao entrar em contato com a pele – e o calor humano -, possibilitam a liberação do ácido succínico, um importante agente químico que contém propriedades analgésicas e anti inflamatórias, responsável por causar uma sensação de alívio nas dores.

Sendo assim, o uso constante do acessório a longo prazo pode possibilitar até mesmo a cura de doenças que de alguma forma enraizaram em nosso corpo.

E isso sem dúvidas é uma coisa surpreendente!

Imagine só não ter que precisar de drogas que compramos em farmácias (que as vezes fazem mais mal do que bem)?!

Diferente disso, podemos apostar em um remédio 100% orgânico.

Abaixo alguns benefícios do uso do âmbar:

  • Analgésico e anti inflamatório
  • Promove o alívio do estresse
  • Filtra boas energias para nosso corpo e mente
  • Devido as suas propriedades anti inflamatórias, alivia as dores em períodos de dentição
  • Promove o alívio de cólicas
  • Relaxante muscular
  • Entre tantos outros benefícios.

Falando em relaxar…

O âmbar báltico não atua somente em doenças “palpáveis”, por isso, por promover relaxamento do corpo (e isso inclui a nossa mente), ele atua diretamente com o nosso psicológico, ajudando e melhorando doenças como ansiedade e depressão.

Legal, né? Para saber mais e adquirir o seu, acesse o nosso site parceiro: www.ambarbalticobrasil.com.br

 

Plano de saúde: Como encontrar o plano de saúde ideal

O custo de procedimentos e atendimentos relacionados com a saúde e a precariedade da saúde publica, trouxe para o brasileiro a preocupação e desejo em ter um plano de saúde privado.

Com o aumento da oferta no mercado de operadoras de planos de saúde nos últimos anos, antes da contratação é importante uma boa avaliação das opções existentes e simular plano de saúde desejado.

O primeiro passo é definir suas necessidades de uso para depois simular plano de saúde, para isso avalie: histórico de doenças crônicas ou genéticas, frequência habitual de uso dos serviços de saúde, idade, quantas pessoas serão incluídas no plano de saúde, abrangência desejada que pode ser local, regional e nacional.

É importante também avaliar as modalidades em que são oferecidas antes de simular o plano de saúde. Essas modalidades costumam ser a de coparticipação: onde a cada consulta, exame, internação e serviços utilizados o contratante paga um determinado valor que é tabelado pela operadora pelo o que utilizou além do que já é pago mensalmente. É oferecido também a modalidade sem coparticipação onde é pago apenas um valor mensal fixo independente dos serviços utilizados.

Quando for simular plano de saúde é importante avaliar as operadoras que possuem boa cobertura e rede credenciada em sua região, lembrando que a prestação de serviços das operadoras pode ser variável de acordo com a localidade.

Após definir a cobertura e modalidade que seu perfil se encaixa melhor, para encontrar o plano ideal para você e para seu orçamento ferramentas online podem ser utilizadas para simular plano de saúde.

Não se esqueça de simular também as opções alternativas aos planos de saúde clássicos antes da contratação. Muitas empresas disponibilizam para seus funcionários planos de saúde a valores mais acessíveis que os encontrados nos planos disponíveis para pessoas físicas. E para quem é empresário as próprias operadoras oferecem para pessoa jurídica planos coletivos mais acessíveis que os planos individuais.

 

A dieta da pimenta realmente é boa?

Diariamente os meios de comunicação “inovam” e apresentam uma dieta milagrosa baseada em algum alimento, apresentando casos de pessoas que emagreceram muito fazendo a tal dieta. Em 100% dos casos a dieta é o alimento da vez associado a um regime de restrição alimentar que mesmo sem o alimento “principal” faria qualquer um emagrecer até a inanição.

A dieta da moda

dieta da pimenta

Recentemente a vedete das dietas da moda foi a pimenta vermelha, que foi endeusada, idolatrada, e teve seus benefícios alardeados como se fosse panaceia. O site Le Marais Bistrot mencionou essa dieta, além de outras para perder gordura rapidamente.

Entretanto, a pimenta não deve ser consumida por todos, nem em exagero. A sensação de “picante” que a pimenta proporciona na verdade é causado por estruturas microscópicas que causam microcortes na boca. Ou seja, o “sabor picante” é uma sorte de dor que a pessoa sente.

Agora, imagine fazer uma dieta à base de pimenta! Não teria como fazer bem!

Quem pode fazer a dieta da pimenta

Para facilitar, podemos dizer que a pimenta não deve ser consumida por lactantes, gestantes, pessoas com gastrite, úlcera, refluxo ou qualquer outra doença de estômago, com hemorroidas, colite, ou com psoríase ou outra doença de pele.

Entretanto, os benefícios alegados para a pimenta, que facultariam o emagrecimento, incluem a sensação de saciedade (porque a pimenta atua no sistema nervoso, estimulando-o a liberar adrenalina e noradrenalina, que implicam diminuição de apetite); a eliminação de gordura (porque age como termogênico); e inibe o ganho de peso (pelo mesmo efeito termogênico, que segundo supostos estudos implicariam uma absorção 8% menor de calorias dos alimentos).

Além disso, a pimenta é rica em vitaminas A e E, betacaroteno e flavonoides, todos antioxidantes, que ao combaterem os radicais livres previnem o envelhecimento precoce. Dizem também que a pimenta vermelha melhora a circulação e atua como antidepressivo (pela liberação de adrenalina e noradrenalina, como falamos no parágrafo anterior).

Por fim, atribui-se à pimenta vermelha ação antibactericida, o que combateria doenças e estimularia a recuperação do sistema imunológico, fortalecendo as defesas naturais do organismo.

Gestão estratégica de pessoas

Eu costumo dizer que a relação do empregado com seu empregador hoje em dia é uma coisa mais achegada do que uma simples relação contratual. Como líder no mercado empresarial você precisa desenvolver habilidades para lidar, conduzir e motivar seus colaboradores, tratando-os como membros da sua família. 

Esquece aquele negócio de que um gestor de pessoas tem que ser autoritário e duro para obter resultados. Pelo contrário, você precisa estudar o seu colaborador para entender como conseguir motivar ele a crescer de modo profissional junto com a sua empresa. 

Seja firme com seu alto escalão, eles precisam entender que embora existam níveis hierárquicos, o colaborador vai estar mais motivado quando vê que seus superiores trabalham em conjunto com ele para obter os resultados. 

Por que aplicar a gestão estratégica de pessoas 

Uma empresa de sucesso é aquela que consegue manter um mesmo quadro de colaboradores competentes por muito tempo. E é nessas empresas que os profissionais mais qualificados querem trabalhar. Você, líder, tem o papel principal de gerenciar seus colaboradores para que sua empresa chegue a este patamar de reputação. 

É aí que montar um bom plano de gestão estratégica de pessoas se torna essencial para o desenvolvimento de seu quadro de colaboradores. O que eu quero te dizer é que você, líder, é o responsável principal pelo fracasso ou sucesso de sua empresa. 

Não pense que a melhor saída para melhorar o desempenho com relação aos seus colaboradores é substituí-los por alguém melhor. Isso vai gerar uma rotatividade desnecessária e causar até mesmo certos prejuízos financeiros. 

Mas ao aplicar a gestão de pessoas você será capaz de transformar os colaboradores que você já tem em profissionais melhores. Com a vantagem de que eles já estão integrados a sua empresa e vai custar bem menos para a empresa do que o dispensar e contratar uma pessoa nova. 

Quando você trabalha com um profissional motivado, capacitado e já integrado a política da empresa, sem dúvidas os seus resultados serão maiores e melhores do que você esperava. Confira então algumas formas de aplicar esta gestão de forma eficiente. 

Estratégias de gestão de pessoas 

Montar uma gestão estratégica de pessoas não é fácil. Exige que você saiba aplicar essas estratégias de modo eficiente. Repito que você deve esquecer o conceito de que para ser um bom líder, você precisa ser autoritário e rígido com os colaboradores. 

É claro que a hierarquia da empresa deve ser respeitada, na estratégia de gestão de pessoas o líder se coloca como um companheiro, trabalhando lado a lado com o seu contratado. Isso vai gerar confiança na hora de você aplicar os métodos desta prática. 

  – Motivação adequada 

Já viu que como um capitão de um time de futebol costuma motivar a sua equipe? Geralmente eles fazem isso com gestos agressivos e gritos firmes e altos. Para aquela ocasião aquele estilo de motivação costuma gerar resultados. Da mesma forma é preciso adequar a sua estratégia de motivação a equipe com quem você trabalha. 

Uma forma bem eficiente de você fazer isso é por demonstrar interesse pessoal no seu colaborador. Entender quais são os desafios dele em executar aquela tarefa, o que você pode fazer para ajuda-lo e assim por diante.

Mostre reconhecimento por seu trabalho, fazendo elogios, gratificando-o e mostrando confiança por dar a ele novos projetos. E é claro sempre que possível o bonifique financeiramente, ou lhe dando folgas extras e até mesmo flexibilidade de trabalho. 

– Comunicação 

Sua relação com os funcionários deve ser como um casamento. E nós bem sabemos que muitos casamentos passam por problemas por causa da falta de comunicação. Da mesma forma quando você não se comunica de modo eficiente com o seu colaborador, a relação de você ficará abalada. 

Comece por não dar informações privilegiadas apenas a certos setores da empresa. Isso vai gerar burburinhos e informações incompletas sobre alguns assuntos. Você deve estabelecer um meio de comunicação comum para todos os níveis de sua organização. 

A comunicação aberta é um dos elementos principais da gestão estratégica de pessoas. Então crie maneiras de dar e de receber feedback de seus colaboradores. Você vai notar que o desempenho deles melhorará quando vir que sua voz está sendo ouvida pelos líderes da empresa. 

– Desenvolvimento profissional 

Ninguém nasce sabendo nada. Você mesmo precisou aprender muitas coisas até chegar onde está como um líder corporativo. Por isso não é eficiente você cobrar algo de seu colaborador que ele ainda não aprendeu fazer. 

Um erro muito grave que eu vejo muitas empresas cometerem é o de demitir o profissional por não o achar competente para executar suas funções. Daí ela vai lá e contrata outro profissional aparentemente mais qualificado. Mas se esquece de que com a mudança constante no mercado, vai chegar uma hora que esse novo profissional também não saberá como efetuar uma nova função. 

Por isso que a capacitação profissional do colaborador é um dos principais pilares da gestão de pessoas. Uma boa estratégia de criar esse desenvolvimento é por investir em cursos de capacitação

O resultado é instantâneo, quando o funcionário vê que você acredita nele e no seu potencial de desenvolvimento, ele se sente mais feliz e motivado a continuar progredindo em conjunto com você e sua empresa. 

Viu só? Criar estratégias de gestão de pessoas não é um bicho de sete cabeças, exige que você como líder também se capacite para motivar eu pessoal. Mas principalmente que tenha postura e decisão na hora de crescer e se desenvolver como líder. 

3 Dicas para escolher o melhor seguro auto para você

Muitas pessoas vão em busca de contratar um seguro auto para ter uma maior tranquilidade, afinal esse modelo de contratação oferece serviços como cobertura nos casos de roubos e também assistência 24 horas para o dono do veículo.

Mas, várias pessoas não sabem como escolher o melhor seguro auto. E para isso, temos excelentes dicas que podem ajudar. Então, você deseja saber como encontrar a melhor administradora e fechar um excelente contrato? Continue lendo o post, pois daremos algumas orientações!

Seguro auto: pesquise e compare as seguradoras do mercado

Existem diversas administradoras no mercado, e o ideal é pesquisar essas seguradoras, analisando os serviços prestados e os valores exigidos. Depois é importante comparar todas as empresas e analisar os prós e os contras de cada uma, de acordo com as suas necessidades.

A empresa que apresentar o valor mais acessível e oferecer todos os serviços que você precisa deve ser a escolhida.

Seguro auto: leve as suas necessidades em consideração

Ao contratar um seguro auto, leve as suas necessidades em consideração. Afinal, contratar uma administradora que apenas possui os menores preços nem sempre é uma boa decisão para fazer um excelente negócio.

O ideal é contratar uma administradora que oferece assistência 24 horas, se você deseja ter uma maior proteção no dia a dia, por exemplo. Ou melhor, é importante contratar uma empresa que atenda às suas necessidades, quando precisar.

Seguro auto: escolha a empresa que oferece o melhor custo-benefício

Nada melhor do que fazer contratos que possuem um excelente custo-benefício, não é mesmo? Então, escolha empresas que oferecem os melhores serviços com baixo custo e bastante qualidade.

Ah, e não esqueça: antes de fechar contrato com qualquer empresa, faça uma simulação do seguro auto. Assim é possível fazer um excelente negócio e ter muita mais satisfação.

 

 

9 razões para considerar o marketing com adesivos promocionais

Por mais de 65 anos, os adesivos têm ajudado os políticos a serem eleitos, construindo empresas, estabelecendo marcas, anunciando, iniciando conversas e aumentando a exposição. No entanto, apesar de ser duradoura e ter um baixo custo por impressão, não foi dada atenção suficiente pelos profissionais de marketing e empresas ao poder dessa ferramenta de marketing descomplicada.  Aqui estão nove razões pelas quais as empresas atuais não devem ignorar esse poderoso meio de marketing de baixo custo.

1. Além do vidro traseiro de automóveis

Adesivos não são mais apenas “adesivos“. Os dias de adesivos grandes, brancos e retangulares para pára-choques de carros estão desaparecendo e sendo substituídos por adesivos promocionais de todas as formas e tamanhos para aplicação em janelas, garrafas de água, laptops, equipamentos, placas, telefones, pessoas… em qualquer lugar.

2. Mídias Sociais da Velha Escola

Os adesivos promocionais são formas físicas e off-line de mídia social. As pessoas estavam “curtindo”, postando, fixando, marcando e iniciando conversas com adesivos muito antes da Internet. Projetados e distribuídos adequadamente, eles geram continuamente exposição de baixo custo, impressões e marketing boca-a-boca.

3. O poder da boca-a-boca

Pensar que o marketing off-line é ultrapassado ou não tão eficaz quanto a mídia social para o boca-a-boca? Pense de novo. Estudos recentes mostram que 90% das pessoas confiam em recomendações boca-a-boca de pessoas que conhecem, 90% do boca-a-boca sobre marcas está ocorrendo off-line (Keller Fay Group). No entanto, ferramentas, como adesivos, usadas para encorajar e amplificar o boca-a-boca off-line (bem como on-line) são frequentemente ignoradas por muitas empresas. Este é um erro óbvio.

4. Publicidade / Marketing

Publicidade / marketing mudou para mais modelos baseados em permissões e conexões. Publicidade que interrompe ou é perdida em um mar de outros campos (geralmente) não é mais econômica, especialmente para pequenas empresas. O poder dos adesivos está no fato de que, quando exibidos, eles não são percebidos como propaganda. Eles são endossos pessoais, recomendações e crachás de suporte para uma mensagem, produto ou organização.

5. Um “presente” envolvente

Independentemente de os adesivos promocionais serem exibidos em público, eles ainda podem ser muito rentáveis. Distribuídos ou enviados por correio, os adesivos de qualidade têm um valor percebido maior do que outros meios promocionais (cartões de visita, folhetos, folhetos, etc.). Eles são vistos mais como um presente do que “publicidade”. E, como os produtos promocionais, eles são mais difíceis de serem descartados imediatamente e podem envolver o destinatário … “Onde eu poderia colocar isso?” “Para quem eu poderia dar isso?” “Eu não doei há algum tempo.” “Eu preciso pare aí. ”“ Eu amo esses caras. ”

6. Coloque e promova

Adesivos promocionais nem sempre são um item de doação, é claro. Eles também são uma maneira barata de marcar produtos, embalagens, sinalização e equipamentos de manutenção. Nem sempre é possível confiar que os outros se tornem defensores da disseminação da sua mensagem e marca, mas você certamente pode fazê-lo, sempre que possível, de maneira elegante e eficaz.

7. Micro Marketing / Desenvolvimento de Identidade

Por causa da natureza sucinta de um adesivo promocional, o processo de desenvolvimento e design pode ajudar a esclarecer e focar outros esforços de marketing (logotipo, site, anúncios, cartões de visita, manchetes, press releases, etc.). As mesmas questões centrais precisam ser feitas e analisadas:

  • Com quem eu quero me comunicar (quem é meu mercado)?
  • Onde eu os encontro? Como eu faço contato?
  • Quais são os seus interesses (o que eles querem / precisam)?
  • Qual é a minha oferta única, mensagem e / ou história (identidade)?
  • Como eu comunico e transmito minha mensagem / identidade de maneira limpa, gráfica e rápida para o meu mercado e clientes em potencial?

8. Elogie e aprimore outros esforços de marketing

Além de branding e esforços para aumentar a exposição, os adesivos podem ser aproveitados de outras maneiras para melhorar e fortalecer os programas de marketing. Adesivos grátis podem ser trocados por endereços. Opiniões e conversas podem ser incentivadas on-line nas mídias sociais para atrair fãs e clientes. Informações valiosas ou promoções podem ser entregues no verso de um adesivo. Adesivos melhorar as taxas de abertura de mala direta. Os adesivos podem fortalecer as comunidades e a consciência de uma mensagem em particular. Campanhas cooperativas com outras pessoas podem reduzir custos e aumentar a distribuição e as impressões. Campanhas adesivas bem-sucedidas ou interessantes podem gerar excelente PR. E muito mais…

9. Vender como um produto rentável

Os adesivos promocionais, feitos corretamente, também podem se tornar produtos lucrativos. Um nome de marca, slogan ou imagem pode se tornar um produto pegajoso. Você não tem que ser Life Is Good ou uma banda popular para criar adesivos que os fãs vão pagar. Se você tem opções de varejo, um ângulo único para um mercado específico, ou fãs e defensores, você pode definitivamente criar um adesivo com valor percebido suficiente para garantir que as pessoas queiram exibi-lo e estejam dispostas a pagar pelo privilégio. Apenas certifique-se de que o adesivo atenda às necessidades e preferências pessoais do cliente, não apenas às suas próprias necessidades de marketing / branding.

Em suma, o marketing é sobre relacionamentos; comunicando o que o torna único e de valor para as pessoas que se beneficiarão e estarão dispostas a apoiá-lo. Adesivos podem ser usados ​​de várias maneiras para fortalecer esse vínculo e encorajar que a palavra seja espalhada. Isso é o marketing de adesivos – utilizando uma das ferramentas de marketing de maior custo e maior exposição disponível para fazer e fortalecer conexões. Mas, lembre-se, como qualquer forma de marketing ou publicidade, o marketing de adesivos requer planejamento, design e execução adequados para maximizar sua eficácia.

Investimentos: Quer começar a investir? Conheça esses fundos

Qualquer pessoa pode ser tornar um investidor, isso independente do capital que ela tem disponível para investimentos. Atualmente, os bancos oferecem aplicações bancárias com um investimento inicial de 30 reais, que são os títulos do Tesouro Nacional. Não importa qual tipo de investidor você é ou almeja ser, o fato de você estar fazendo investimentos, já te coloca a frente de grande parte da população.

Se você está pensando no seu futuro, pensando em ter uma tranquilidade daqui alguns anos, você deve estar pensando em ter grandes lucros e até mesmo enriquecer através de investimentos que tenham bom retorno. Então, continue aqui, pois, separamos algumas dicas para você começar a investir.

Principais tipos de investimentos

O número de investimentos que o mercado financeiro possui é muito grande. O que diferencia cada um é o risco e a rentabilidade. Veja a seguir os principais tipos de investimentos, para você que está pensando em começar a investir.

Tesouro Direto ou Títulos Públicos

Esses investimentos são considerados de baixo risco., pois eles estão diretamente atrelados ao governo. Esses títulos são emitidos pelo Tesouro Nacional, eles servem para captar recursos destinados ao financiamento das atividades públicas.

A remuneração nos investimentos do tesouro direto ou títulos públicos são feitas através de modalidade pré ou pós-fixadas, o valor unitário é uma estimativa do valor futuro descontando a taxa de juros.

Caderneta de poupança

O mais tradicional dos investimentos é a caderneta de poupança. É a modalidade preferida dos brasileiros e possui um formato muito simples de adesão. Você precisa apenas procurar uma instituição financeira, apresentar documentos pessoais e pronto, você já consegue poupar seu dinheiro e ter um rendimento mensal.

LCI – Letra de Crédito Imobiliário

A LCI é a Letra de Crédito Imobiliário. Ela é um investimento de renda fixa emitido pelos bancos. Os recursos gerados por esse investimento são utilizados para o financiamento das atividades do setor imobiliário. Em troca disso, o investimento oferece uma taxa de rentabilidade anual que pode ser definida no momento da compra.

Terminou sua reforma? Contrate uma empresa de limpeza

Proposta é de entregar um ambiente como se não tivesse passado por uma reforma

Barato e essencial, o serviço de limpeza pós obra está se destacando no mercado. Isso porque ele apresenta uma proposta simples, porém bastante interessante. Através da atividade, as empresas trabalham pela eliminação total de resíduos após o término de uma obra, deixando o ambiente como se ele não tivesse passado por uma reforma.

Seja grande ou pequena, qualquer tipo de obra acumula sujeira e, ao final, isso vira uma bagunça sem fim, tanto que as pessoas não sabem nem por onde começar a limpar. O serviço, normalmente, é procurado por empresas da construção civil, mas também abre espaço para atender a residências, onde o serviço é menor.

Com o serviço, é feita uma limpeza bastante detalhada, de modo a eliminar todos os resíduos que são resultantes da obra, sem que danifique qualquer ponto do ambiente. É comum, com a finalização, encontrar respingos de tinta no piso, rejunte em excesso entre os azulejos, entre outros problemas que a obra traz. A ideia é trazer a sensação de que não houve uma obra ali.

Ao término da obra, o cliente pode acionar a empresa especializada, que irá avaliar todo o local antes de iniciar o serviço, de modo a entender o que precisará ser feito ali, as técnicas que podem ser aplicadas e até mesmo os produtos a serem utilizados.

Por que contratar o serviço

No setor empresarial, é muito mais obvio a necessidade do serviço. Isso porque as construtoras precisam entregar a obra por completo e isso inclui a limpeza, que não pode ser feita de qualquer jeito. O projeto, para ser perfeito, precisa de um cuidado adequado e, nessa situação, a limpeza pós obra se torna essencial. Uma das opções da empresa é fazer o serviço por conta própria, mas ela acaba entendendo no desenvolvimento da atividade porque é tão importante um trabalho especializado. Afinal, qualquer produto inadequado, pode resultar em algum dano ao espaço.

A limpeza pós obra utiliza equipamentos e materiais que são específicos para uma limpeza pesado. Além disso, todos os pontos são avaliados, os materiais utilizados na construção, assim como os componentes daquele local. Por exemplo, se o piso é porcelanato, serão utilizados produtos adequados para a sua limpeza.

Destaque no mercado

Mesmo não sendo tão nova no mercado, somente agora o serviço de limpeza pós obra tem ganhando o merecido destaque. Isso porque poucas empresas entendiam a necessidade dessa atividade, mas agora não deixam de utilizá-lo. A construção civil, público alvo principal da atividade, é a que mais se beneficia com o serviço. E como ela não para, as empresas conseguiram unir o útil ao agradável, sempre tendo clientes em potencial.

Mas é importante diferenciar o serviço de uma limpeza comum, em caráter de faxina ou limpeza geral, afinal trata-se de um trabalho especializado, que vai muito além de o trabalho doméstico. Ele traz uma limpeza completa, mesmo para obras de grande extensão.

Dicas para pedalar na cidade com segurança

O ciclismo é um esporte muito saudável e as bicicletas também podem ser utilizadas como meio de transporte alternativo. Apesar disso, muitas pessoas têm medo de utilizar a bicicleta no dia a dia para se locomover, por isso, nós temos algumas dicas para você pedalar na cidade.

pedalar de bicicleta

Priorize sempre a segurança

Como as ruas na cidade são muito movimentadas e nem sempre a sinalização para ciclistas é clara, a sua prioridade deve ser sempre a segurança. Sendo assim, use sempre um capacete adequado e também proteções nos cotovelos e joelho, além de luvas para proteger a palma das mãos em caso de queda.

Outra dica importante para garantir a sua segurança é conhecer bem o percurso que você vai fazer pela cidade até o seu destino. Veja, por exemplo, se há muitas ladeiras e se as ruas são bem sinalizadas no trajeto, assim você escolhe o caminho mais seguro e fácil, respeitando os limites do seu corpo.

Depois de garantir a sua segurança, é hora de verificar o seu conforto na bike, afinal, se você estiver indo para algum compromisso você não vai querer chegar esgotado. Procure deixar sempre o banco e o guidão em uma altura que facilite as pedaladas para que você não faça esforço demais e não se canse tanto.

Saiba qual distancia você é capaz de andar com bicicleta, pois um percurso mais longo pode dificultar a sua volta. Comece com caminhos mais curtos caso você seja iniciante, e assim vai alongando o caminho com o tempo. A utilização de equipamentos como a pulseira fir e suplementos alimentares para energia como o uso de maltodextrina, dextrose, etc são sempre bem vindos.

Use bons equipamentos e roupas adequadas

Use roupas leves, que facilitem a movimentação para pedalar e não façam com que você esquente muito, sem esquecer dos equipamentos de segurança adequados para sua segurança. Também é aconselhado levar sempre roupas limpas na mochila para se trocar caso você se suje durante o caminho, assim você não passa nenhum sufoco.

Caso você vá pedalar durante a noite, procure utilizar adesivos refletivos nos equipamentos de segurança e na sua bicicleta para ficar mais visível aos motoristas, mesmo quando não houver iluminação pública adequada. Esse tipo de adesivo é fácil de encontra e pode ser comprado em lojas para ciclistas.

Para finalizar, não se esqueça de carregar sempre uma garrafinha de água para se hidratar enquanto pedala, evitando uma desidratação.

« Older posts Newer posts »

© 2019 Cidan Dicas

Theme by Anders NorenUp ↑