Os canais de defesa do Consumidor existem para garantir que o indivíduo terá atendimento justo em caso de algum problema com determinada empresa.

Atualmente, muitas companhias facilitam a troca de produtos e a resolução de problemas. Contudo, sempre há uma ou outra empresa que deseja se eximir da culpa e não arcar com as suas responsabilidades.

Desse modo, entra em ação a necessidade da atuação de órgãos que atuam na defesa do consumidor. Mas você sabe ao certo quais são esses órgãos e como podemos contatá-los?

Para saber mais sobre o assunto, acompanhe a matéria abaixo! E não se esqueça de deixar esse post salvo na sua barra de favoritos! Confira!

Afinal, quais são os canais de defesa do Consumidor?

Antes de mais nada, saiba que existem vários órgãos de defesa do consumidor. Nesse sentido, todos estão sob os cuidados e fiscalização do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor.

Esse sistema existe desde 1997 e atua em parceria com outros órgãos super importantes, tais como:

Procons

Primeiramente, saiba que os Procons são um dos principais canais de defesa do Consumidor. Isso porque eles atuam tanto na esfera municipal, quanto estadual.

Além disso, eles possuem liberação para fiscalizar, autuar, dar multas e até interditar locais que estão agindo de forma a trazer prejuízos para o consumidor.

Bem como, praticamente todos os municípios do país possuem ao menos um Procon na sua localidade.

Site Reclame Aqui

Sempre que falamos em canais de defesa do Consumidor, não podemos deixar de falar do site Reclame Aqui.

Essa plataforma é uma das mais acessadas do país e se tornou referência quando o assunto é direito do consumidor. Atualmente, você pode pesquisar sobre as empresas, fazer reclamações e até obter soluções através deste site.

Delegacias do Consumidor

Em contrapartida, casos mais sérios como estelionatos e até propagandas enganosas, podem exigir instauração de inquérito policial.

Nesse sentido, as Delegacias do Consumidor são super importantes. Graças a esses órgãos, você pode obter uma abordagem policial para te ajudar a resolver determinada pendência.

As delegacias também são úteis para combater cobranças vexatórias (que humilham o devedor), vendas de itens impróprios para consumos, dentre outras situações que geram problemas ao consumidor.

Ministério Público

Ademais, o Ministério Público também pode ajudar o consumidor em diversos casos de problemas com produtos e/ou serviços.

Essa entidade não é relacionada diretamente ao consumo. Todavia, atua na fiscalização e aplicação da lei. Bem como, pode instaurar inquérito judicial caso seja comprada uma atuação errada da empresa prestadora de serviço/produto.

Dicas para usar corretamente os canais que existem para te defender

Por fim, sempre guarde as notas fiscais e comprovantes de compras. Além disso, anote todos os protocolos de atendimento que já teve com uma instituição. Desse modo, é mais fácil garantir o cumprimento dos seus direitos.

Gostou de saber quais são os principais canais de defesa do Consumidor? Se você gosta desse tipo de matéria, ative as notificações do nosso site e fique por dentro dos nossos posts!

Diariamente, publicamos artigos sobre mercado financeiro, direitos do consumidor e dicas sobre o universo do dinheiro!