Categoria: Beleza (Page 1 of 2)

5 erros que você comete na hora de escovar os dentes

O cuidado com a higiene bucal é essencial para manter a saúde de todo o organismo em dia. Afinal, as doenças orais podem se espalhar pelo corpo e causar sérios problemas aos pacientes. Por isso, saber escovar os dentes adequadamente é fundamental.

A escovação dentária é uma das práticas mais importantes no processo de cuidados bucais. Isso porque, é somente através dessa ação que podemos remover os resquícios de alimentos e impedir a formação da placa bacteriana que se acumula no esmalte dentário.

Assim, com o auxílio de uma boa higienização bucal, podemos limitar a ação microbiana e evitar o desenvolvimento da maior parte das doenças que acometem os dentes e os demais tecidos orais, como a:

  • Cárie;
  • Gengivite;
  • Periodontite;
  • Retração gengival;
  • Candidíase oral, entre outros.

No entanto, por se tratar uma ação quase automática, muitas pessoas acabam cometendo erros importantes que fazem com que esse cuidado não seja tão efetivo quanto necessário. 

Por isso, se você deseja garantir uma boa saúde bucal e um sorriso livre de doenças, continue a leitura!

Erros que devem ser evitados durante a escovação

Muitas pessoas não sabem, mas procurar saber mais sobre como funciona plano odontologico empresarial pode ser determinante na realização de uma boa escovação. 

Isso se dá pois, através deste serviço é possível passar por consultas de instrução onde o dentista ensina as melhores formas de fazer o cuidado bucal.

E esse acompanhamento é tão importante porque, ainda hoje, muitas pessoas consideram esse tipo de higienização uma ação sem muita importância. Assim, elas acabam cometendo uma série de erros, que deixam toda a cavidade oral mais suscetível a doenças.

Entre as imprecisões mais comuns, é preciso atentar-se com:

  • Aplicação de muita força

Colocar uma força excessiva nas escovas é capaz de empurrar a gengiva e fazer com que a raiz do dente, que fica protegida por baixo dos tecidos moles, se tornem permanentemente exposta. O dente fica sensível ao contato com os alimentos e bebidas.

Além disso, essa pressão extra pode machucar os lábios e a bochecha. Por isso, é preciso aplicar sempre uma força suave ou moderada, realizando a técnica de Bass por aproximadamente três minutos.

  • Realizar escovações rápidas

Por se tratar de uma ação pouco confortável, muitos pacientes acabam escovando os dentes com muita pressa. No entanto, a placa bacteriana só pode ser removida através da fricção.

Assim, se você não escovar a superfície por tempo o suficiente, ela não pode ser removida com sucesso.

Através de um plano odontologico empresarial, o dentista pode indicar o tempo adequado que deve ser gasto em cada escovação e de acordo com a necessidade de cada paciente. 

Desta forma, a recomendação geral é de que essa limpeza não pode durar menos do que dois minutos.

  • Escovar os dentes com frequência exagerada

Tudo em excesso faz mal! Com a escovação dental não é diferente.

A repetição exagerada desse processo de higiene pode acabar causando um desgaste no esmalte dentário – camada protetora do dente –, provocando a sensibilidade e desenvolvendo problemas no tecido gengival.

Por isso, o ideal é que os pacientes escovem os dentes três vezes ao dia ou após a ingestão de algum tipo de alimento.

No entanto, esta quantidade pode variar para pacientes que tenham diabetes ou problemas cardíacos, exigindo uma frequência um pouco maior – o que deve ser confirmado com um médico do plano odontologico para empresas.

  • Higienizar a boca logo após as refeições

Sim. É muito importante escovar os dentes após as refeições, mas também é necessário evitar que essa ação ocorra imediatamente em seguida às alimentações.

Isso porque, nestes momentos seguintes, a saliva permanece ácida e o esmalte dental fica mais suscetível ao desgaste.

Assim, os melhores profissionais dentistas – que podem ser acessados pelo plano dentario empresarial – recomendam que os pacientes aguardem cerca de 30 minutos, para que o pH bucal volte a ficar neutro e os dentes não corram mais riscos de sofrer grandes danos.

Como escolher a melhor escova?

Outro erro bastante cometido pelos pacientes está relacionado com a escolha da escova utilizada para a realização dessa limpeza bucal e com a frequência com que esses acessórios são trocados.

Pois, apesar de haver uma enorme variedade de tipos e modelos disponíveis no mercado, a escolha da melhor escova de dente é essencial para determinar a qualidade da escovação. 

Por isso, é preciso se certificar que ela tenha um tamanho adequado e possua cerdas macias ou ultra macias.

Como auxílio de um plano dentario para mei, os ortodontistas podem indicar as melhores escovas para os pacientes que utilizam o aparelho fixo ou as próteses dentais, como a escova interdental, a implant ortho ou a sole.

Contudo, mesmo para casos excepcionais, elas também precisam ter cerdas macias.

A troca desse acessório deve ser realizada uma vez a cada três meses – 90 dias – ou sempre que as pontas ficarem desgastadas ou espanadas. 

Assim, além de acumular bactérias nas cerdas, as escovas mais velhas não conseguem remover a placa bacteriana e exigem mais força na escovação.

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Brinco feminino: descubra o melhor modelo para cada formato de rosto

Cada mulher tem suas próprias características, isso é um fato. Embora existam bilhões de pessoas no mundo, os elementos estéticos que constituem um ser humano são tão variados que é possível diferenciar cada indivíduo. Contudo, as formas e silhuetas são padronizadas em alguns formatos específicos. É o que acontece com os rostos, por exemplo. Existem os seguintes tipos de formas para rostos:

Brinco feminino: descubra o melhor modelo para cada formato de rosto

1 – Redondo

Neste caso a silhueta da cabeça, vista de frente lembra bastante um círculo levemente ovalado.

2 – Quadrado

Aqui, o maxilar apresenta ângulos retos com relação às bochechas da pessoa.

3 – Oval

Quase igual ao rosto redondo, o oval é mais fino e alongado nas duas extremidades – topo da cabeça e queixo.

4 – Triangular

No rosto triangular, o maxilar se mostra mais largo do que a testa ou o topo da cabeça.

5 – Triangular invertido

Este é o contrário do anterior – a parte mais fina fica na altura do queixo, alargando das bochechas para cima.

6 – Forma de diamante

No rosto em forma de diamante o desenho lembra um hexágono.

Descubra o brinco ideal para cada formato de rosto

Vale destacar que a maioria dos rostos apresenta um formato híbrido, porém sem irá tender mais para algum dos itens apresentados acima. Para cada um deles, há um modelo de brinco feminino  ideal, o que não exclui respeitar o gosto de cada mulher.

Brinco feminino: descubra o melhor modelo para cada formato de rosto

Rosto oval: este tipo de face é a mais versátil entre todas e, praticamente, qualquer estilo de brinco fica bem em rostos ovais.

Rosto redondo: o mais indicado para compor o visual de um rosto arredondado é apostar em brincos mais alongados. Além disso, prefira pelas peças mais finas, com correntes ou com extremidades pontiagudas. Esses brincos vão se destacar mais em um rosto assim.

Rosto quadrado: as argolas são perfeitas para os rostos quadrados, principalmente as de tamanho médio e mais ovaladas. Os acessórios quadrados vão dar ainda mais volume ao maxilar.

Rosto triangular: no rosto triangular, as pedras solitárias ou as argolas mais justas à orelha tendem a causar um aspecto mais agradável. Também vale apostar em pingentes e caimentos de pedras, por exemplo.

Brinco feminino: descubra o melhor modelo para cada formato de rosto

Rosto de triângulo invertido: aposte em pingentes mais volumosos na parte de baixo. Ou seja, utilize brincos que tenham mais largura na base do que na tarraxa, por exemplo. Pedrarias e ornamentos geométricos tendem a cair muito bem.

Rosto em diamante: as mulheres que possuem o rosto em forma de diamante podem apostar sem medo nos brincos pequenos e médios. O ideal é evitar aquelas peças que dão volume às maçãs do rosto. Acredite, o tamanho do acessório não estará ligado à descrição.

Por fim, lembre-se de que estas são apenas dicas para garantir um visual mais simétrico e, em muitos casos, ainda mais agradável. Em outras palavras, nada disso representa regras rígidas e que não podem ser quebradas. O ideal mesmo é utilizar brincos e acessórios que causem boa sensação e gerem mais autoconfiança.

 

Continue lendo nosso site!

Candidíase oral: como prevenir e tratar esse problema

Existem uma série de doenças que podem acometer a sua saúde bucal, sendo que algumas podem acabar atacando os dentes, e outras em diferentes locais da boca, como é o caso da candidíase oral.

Nesse artigo veremos tudo sobre a candidíase oral, entendendo sobre o que se trata essa doença, quais os sintomas, tratamentos, formas de prevenção e a importância da ajuda de profissionais odontológicos de plano odonto empresa nesse processo. Confira!

O que é candidíase oral?

A candidíase oral é uma doença bastante comum e conhecida, e que acomete principalmente os bebês. Essa patologia é causada pelo fungo Candida albicans, que se aloja na região da boca e gera uma infecção. 

Ela é uma doença que acaba acontecendo mais em bebês e gerando mais riscos em pessoas de pouca idade justamente pela baixa imunidade, ou então em pessoas adultas que possuem o sistema imunológico deficiente devido a outras complicações, como a gripe.

Normalmente a principal característica dessa infecção é a formação de placas brancas na língua ou na gengiva, exatamente pelo acúmulo do fungo citado anteriormente. 

Caso você ou seu filho esteja com a doença, é perceptível essa aparência das “bolhas” esbranquiçadas e, caso você raspe essa região, é possível que haja dor e sangramento.

Apesar de ser uma patologia que não apresenta grandes riscos para a vida das pessoas, ela pode se desenvolver e se espalhar por outras regiões, tais como:

  • Gengiva;
  • Céu da boca;
  • Garganta;
  • Amídalas.

Por isso a recomendação é que, se você observar esse sinal explícito das manchas brancas nessa região, consulte um médico ou o seu odonto empresarial para entender melhor quais são os próximos passos que você deve tomar.

Sintomas

O sintoma mais característico dessa doença, e que faz com que ela se diferencie de outras infecções bucais, é justamente o aparecimento dessas manchas brancas na língua e na gengiva. 

Entretanto, existem também outros sintomas que podem aparecer, justamente por se tratar de uma infecção.

Normalmente, junto das manchas brancas, é comum que o portador da candidíase oral sinta dores durante a movimentação da boca e sangramento, visto que, quando os alimentos entram em contato com as feridas, isso pode causar uma dor bastante incômoda.

Quando buscar o seu hospital e postos de saúde, ou então entender como funciona plano odontologico empresarial para saber o prognóstico da doença, é importante relatar os sintomas apresentados para que o especialista possa dar um parecer mais preciso sobre a condição.

Causas da candidíase oral

Como dissemos, essa é uma patologia bastante comum, e costuma aparecer em situações específicas. 

Normalmente a presença dessa doença está associada a um sistema imunológico debilitado, que não consegue enfrentar o fungo, permitindo que ele fique alojado em excesso na região afetada.

O fungo da candidíase pode ser encontrado na pele e nas mucosas, e quando ele acaba encontrando um sistema imunológico enfraquecido, fica fácil para ele se espalhar e crescer.

O que pode acabar causando esses problemas que, apesar de não serem tão preocupantes, podem ser bastante incômodos, especialmente para os bebês.

Prevenção

Quando você busca descobrir plano odontologico empresarial como funciona para entender também mais sobre essa doença, certamente os especialistas passarão maneiras de se prevenir desse tipo de problema.

Como essa doença está muito relacionada à falta de imunidade qualificada, o principal passo para evitar que a candidíase oral afete a sua saúde bucal ou dos seus filhos e parentes, é fundamental que todos busquem aumentar a imunidade. Mas como fazer isso?

Bom, a imunidade está muito ligada a práticas alimentares e de rotina. Nesse sentido, para fortalecer a imunidade cada vez mais, é fundamental trabalhar a sua alimentação, optando por alimentos mais saudáveis e que possuem as vitaminas necessárias que o corpo precisa.

É bastante comum que dentistas de plano odontologico para microempreendedor individual recomendem, por exemplo, alimentos com bastante fonte de vitamina B12, ferro e outros minerais importantes. 

Além da questão alimentar, outro caminho importante para evitar essa patologia, são os cuidados com a higienização bucal. 

Uma boca bem cuidada e higienizada dificulta a ação dos fungos nesta região. Dessa maneira, escovar os dentes regularmente, utilizar fio dental e enxaguantes bucais com frequência pode ser uma ótima maneira de prevenir a candidíase oral. 

 

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

Descubra qual o melhor look pra fazer atividade ao ar livre.

Se você gosta de passar o tempo ao ar livre, fazer caminhadas ou acampar, ou mesmo observar seu filho jogar futebol, você já reconhece a importância da roupa certa.

Você deseja usar coisas que não sejam apenas duráveis ​​e confortáveis, mas também duradouras. Isso é particularmente verdadeiro se você passar um tempo considerável ao ar livre durante a primavera e no outono, quando a temperatura cai no final da tarde e à noite. Uma grande peça de roupa ideal para toda a família são os casacos North Face. Essas peças de desgaste com este nome bem conhecido em roupas são feitas para pessoas ativas.

Confira agora, as melhores camisas de time:

Uma das desvantagens de comprar uma jaqueta quente para usar durante o acampamento ou caminhada é que muitas vezes são muito volumosas. Isso rapidamente se torna desconfortável e pode realmente fazer com que a pessoa abra mão da jaqueta apenas porque é muito pesada ou estranha. Esse não é o caso das jaquetas North Face. Eles são finos e ao mesmo tempo irão mantê-lo muito aquecido. Eles são muito leves e vêm em tamanhos que acomodam crianças e adultos.

O velo é um ótimo tecido porque não só ajuda a reter o calor do corpo, mas também tem uma ótima aparência. Ele pode ser usado por praticamente qualquer pessoa e facilita a mobilidade. Você pode sentar-se confortavelmente em um acampamento ou fazer uma caminhada longa e tranquila vestindo uma das jaquetas North Face feitas de lã. Você nunca vai reclamar de ser duro ou abrasivo na pele.

As crianças também adoram estar ao ar livre e os pais muitas vezes procuram uma jaqueta de qualidade para que a criança possa usar na escola. Os casacos North Face são ideais para os jovens. Os casacos de lã podem ser usados ​​durante os primeiros dias de aula e um colete North Face pode ser adicionado quando as folhas começam a cair. Existem também jaquetas North Face que são projetadas para o inverno, então se você vive em um clima mais frio, este é um grande investimento. Se você tem mais de um filho na família, considere comprar uma jaqueta de cor neutra para que possa ser passada de uma criança para a outra à medida que crescem. A qualidade dessas jaquetas é tão excepcional que duram até dois e às vezes até três filhos.

Em termos de cores, há uma abundância de opções. Naturalmente, eles vêm nos tons esperados de rosa e azul, bem como prata e vermelho também. Essa linha de roupas de primeira linha também inclui chapéus, luvas e luvas para que crianças e adultos possam ter um conjunto completo de agasalhos North Face para mantê-los aquecidos e quentinhos durante os dias mais frios de janeiro e fevereiro.

5 cuidados que devemos ter com as roupinhas de bebê

Todo mundo sabe que um bebê exige muitos cuidados, a chegada do pequeno no lar é acompanhada de muita emoção e muitos preparativos, os novos papais estão ansiosos e querem fazer tudo certo.

Mas antes mesmo de sair para a maternidade é preciso saber que existem alguns cuidados com as roupas de bebês, isso porque na hora de montar a bolsa para o momento de ir para o hospital já é preciso ter alguns cuidados.

Por isso, separamos 5 cuidados que devemos ter com as roupinhas do pequeno. Quer saber quais são? Continue lendo este post.

1. Lave todas as peças antes do primeiro uso

Ao ir comprar as roupinhas de bebê você já pode perceber que a peça pode conter diversas bactérias e vírus, as roupas expostas são constantemente tocadas pelas pessoas, com mão sujas, às vezes cai no chão e muito mais.

Por isso, antes de vestir seu bebê, que quando recém-nascido possui uma imunidade muito baixa, é preciso lavar a roupa. Dessa forma, você evita que o bebê tenha contato com qualquer contaminante.

Além disso, sua pele é muito frágil e pode conter sujeiras e poeiras que não irão fazer nada bem para o pequenino. Assim, sempre que comprar ou ganhar uma roupinha nova lave ela bem.

2. Use os produtos certos para o bebê

Ao lavar a roupa do bebê é preciso ter alguns cuidados especiais, como já falado, a pele do bebê é muito sensível, nos primeiros meses a pele ainda está em formação, por isso é tão fina e frágil.

Assim, é preciso evitar alguns produtos, a maioria dos produtos químicos pode ser prejudicial para o pequeno, causando alergias, irritações e problemas de pele. Então, é preciso cuidar muito bem dos produtos usados.

O sabão de coco, por exemplo, ou o sabão neutro são ótimas opções para garantir a saúde da pele do pequeno, ambos são considerados produtos hipoalergênicos e ainda assim eficientes para a limpeza dos resíduos e sujeiras.

Além do sabão, outros produtos podem causar alergias também, como é o caso dos amaciantes e alvejantes, principalmente a água sanitária, por isso, o indicado é usar apenas o sabão.

Ao lavar as peças, seja um vestido para bebê ou qualquer outra peça, separe das roupas de adultos, opte por lavas apenas elas separadamente. Assim, você evita que a criança acabe adoecendo ou tendo contato com coisas que ela ainda não possui anticorpos.

3. Cuidado com as peças mais delicadas na hora de usar a máquina

É muito complicado para os pais de um recém nascido ter que lavar cada peça de roupa na mão, ainda mais por conta da quantidade que eles sujam, mas não se preocupe, é possível usar a máquina de lavar roupas.

No entanto, ao usar esse aparelho é preciso ter cuidado para não danificar nenhuma peça, por isso, use sempre o ciclo de lavagem mais rápido, assim você garante que a peça continue íntegra.

Além disso, opte por lavar as peças que possuem maior resistência, como macacões e casacos e bodies.

4. Lave as roupas em dias quentes

Outro cuidado que é preciso ter com as roupinhas é que elas precisam secar muito bem, ou seja, em dias de sol é mais fácil garantir que elas ficarão bem sequinhas, longe de qualquer umidade.

Isso porque a umidade gera um ambiente ideal para a proliferação de mofo, fungos e bactérias, assim, é preciso ter muito cuidado com as roupas do bebê, nem sempre o mofo aparece, e pode já estar em contato com a pele do bebê.

Isso pode ser prejudicial para a saúde do bebê, por isso, lave em um dia onde é possível secar ao sol, dessa forma a roupa irá secar mais rápido e você garante a segurança do seu pequeno.

5. É ideal passar as roupinhas

Para ajudar ainda mais a garantir a saúde do pequeno, é ideal passar as peças com o ferro, isso irá eliminar o resto das possíveis bactérias que restaram. 

Além disso, é a melhor forma de manter a organização do guarda-roupa do bebê, o que deixa tudo mais prático para os papais que terão trabalho o suficiente com o mais novo integrante da família.

Outra coisa que você pode fazer quando guardar as peças é mantê-las dentro de sacos plásticos, dessa maneira, você se certifica de que a peça estará limpa até o momento do uso.

Essas são as melhores dicas para cuidar, não só das roupas do bebê, como principalmente da saúde do pequeno, que é muito mais importante. Por isso, é preciso estar atento às dicas dadas.

Dessa forma, você irá ficar livre de preocupações e o bebê ficará livre de alergias e outros problemas na pele, que precisa de diversos cuidados nos primeiros meses de vida, assim você garante que ele esteja sempre saudável.

A Victória Augusto é a melhor loja para Roupinha de bebês baratas. Entre no nosso site e aproveite!

Óleo de Coco para o cabelo: 7 dicas de aplicação

O óleo de coco para o cabelo é considerado uma verdadeira cura milagrosa. Nós explicamos o que torna o produto natural tão eficaz e como você pode usá-lo.

Quer seja escamoso, seco ou opaco: o óleo de coco é adequado para todos os tipos de cabelo. Seus ingredientes também cuidam da raiz do cabelo e do couro cabeludo. O produto natural é fácil de usar e não causa efeitos colaterais. Mostraremos 7 usos do óleo de coco para o cabelo.

1. Fortaleça o cabelo com óleo de coco

Radiação ultravioleta, ar aquecido, chapinha – o cabelo tem que resistir a muitas influências ambientais. As vitaminas e minerais do óleo de coco ajudam a proteger o cabelo e a reparar seus danos – tudo sem ingredientes artificiais, como parafinas e silicones. Após a lavagem, esfregue uma pequena quantidade do óleo na mão e aplique nas pontas do cabelo.  

2. Óleo de coco para cabelos secos

Aqueles que sofrem de cabelos secos devem usar óleo de coco regularmente como tratamento para o cabelo – de preferência durante a noite. O óleo hidrata o cabelo, o couro cabeludo e as raízes do cabelo.

O cabelo fica mais macio e brilhante. Outro ponto positivo da cura: o aroma natural do coco. Se você não gostar do cheiro, simplesmente enxágue o óleo após um curto período de exposição.

3. Remova as pontas duplas

A causa das pontas duplas é a falta de umidade. A cutícula protetora do cabelo é danificada e o cabelo se quebra. No geral, eles parecem ásperos e sem brilho. O óleo de coco hidratante neutraliza o ressecamento e, portanto, evita a formação de novas pontas duplas. Esfregue uma quantidade do tamanho de avelã do óleo entre as pontas dos dedos e massageie nas pontas do cabelo. 

4. Trate a caspa do couro cabeludo com óleo de coco

Você tem couro cabeludo seco e caspa? Antes de lavar, massageie o couro cabeludo com cerca de uma colher de chá de óleo de coco. É melhor deixar de molho por 30 minutos. Após alguns usos, os sintomas como couro cabeludo seco e coceira devem ser aliviados. 

5. Óleo de coco para queda de cabelo

O óleo de coco pode ajudar a prevenir, neutralizar ou até mesmo eliminar a queda de cabelo. Massageie o óleo de coco no couro cabeludo antes de cada lavagem do cabelo. 

O óleo de coco contém ácido láurico: no couro cabeludo forma a monolaurina antibacteriana. Os patógenos infecciosos são destruídos e os folículos capilares são protegidos.

Importante: se você tiver queda de cabelo severa, sempre deve falar com um médico para esclarecer as causas exatas.

6. Endireite o cabelo naturalmente 

O óleo de coco pode ser uma alternativa suave aos secadores de cabelo e alisadores. Porque fornece exatamente os nutrientes de que o cabelo necessita para ter uma estrutura capilar lisa, macia e fluida.

Este método funciona melhor em cabelos ondulados. No entanto, se você tem cabelo muito crespo, ainda pode usar óleo de coco antes de alisá-lo para usar menos calor. 

7. Óleo de coco como condicionador de cabelo: como usá-lo corretamente

Para que o óleo de coco possa desenvolver todo o seu efeito nos cabelos, deve-se considerar os seguintes pontos: 

  1. Antes de usar óleo de coco, lave o cabelo com um shampoo suave primeiro;
  2. Enxágue o shampoo por pelo menos dois a três minutos para removê-lo completamente;
  3. Seque o cabelo apertando suavemente com uma toalha macia;
  4. Penteie suavemente o cabelo antes de aplicar óleo de coco;
  5. Derreta uma quantidade do tamanho de avelã de óleo de coco em suas mãos e massageie seu cabelo e couro cabeludo com a ponta dos dedos;
  6. Depois de massagear, alise o cabelo na direção do crescimento;
  7. Enrole o cabelo em uma toalha por pelo menos 30 a 45 minutos para que o óleo de coco fique um pouco mais quente – assim fica líquido e pode ser absorvido facilmente;
  8. Lave o cabelo com um shampoo suave.

Quanto maior for o tempo de exposição ao tratamento capilar com óleo de coco, mais visível será o efeito nutritivo. Você também pode deixar o óleo de molho durante a noite. Em seguida, coloque uma toalha no travesseiro para evitar manchas de óleo.

Qual óleo de coco comprar para o cabelo?

Você pode obter óleo de coco em farmácias ou lojas de produtos naturais. Na hora de comprar, preste atenção no rótulo orgânico: entre outras coisas, diz que nenhum fertilizante químico foi usado. Além disso, o óleo deve ser “prensado a frio” ou “natural”. Se não foi aquecido, mais ingredientes valiosos estão presentes.

Como posso deixar meu cabelo mais saudável?

O tema acima, permeia na mente de milhares de pessoas. Constantemente, vemos pessoas indo atrás de receitas milagrosas, que muitas vezes não são o que nossos cabelos realmente precisam.

Dicas para cuidar bem do seu cabelo

Devemos entender os sinais de nosso próprio cabelo, que muitas vezes só precisa de um pouquinho mais de cuidado e rotinas concisas.

Por isso, trouxemos para você no dia de hoje, algumas dicas básicas, que fazem toda a diferença no tratamento adequado de nossos fios. Por isso, fique ligado (a) com a gente!

Sempre lave os cabelos de 3 em 3 dias:

Muitos acabam deixando esse cuidado de lado, muitas vezes por não acreditar nos efeitos de uma limpeza constante, ou até mesmo por preguiça. Pois saibam que Deus ajuda quem sedo cuida dos cabelos (não resisti a tentação do bordão alterado).

Lavar os cabelos com essa constância, é primordial até mesmo para os cabelos crespos e cacheados, pois apesar de mostrarem ter oleosidade, ainda carregam com sigo, as impurezas acumuladas no dia a dia.

Pentes de madeira afastam o Frizz para bem longe:

Pentes de madeira, são a escolha perfeita para evitar o atrito com o cabelo. Por mais que eles não sejam tão comuns no dia a dia das pessoas, deveriam passar a ser a primeira escolha, pois além de serem biodegradáveis (vamos ajudar o planeta não é mesmo), são uma ótima pedida para quem tem o couro cabeludo muito sensível.

Por isso, procure um pente de madeira na sua loja de produtos capilares favoritas, e note as diferenças que ele irá proporcionar nos seus cuidados diários.

Aplicar shampoo nas pontas é necessário?

Muitas pessoas acabam cometendo esse erro diariamente, mas ao contrário do que elas pensam, o shampoo só precisa ser aplicado nas pontas. Aliado a isso, a massagem no couro cabeludo, vai realmente trazer o resultado esperado. Por isso, nada de shampoo nas pontas sem necessidade, somente enluve com o shampoo que cair do couro cabeludo.

Tomar vitaminas de crescimento capilar é uma ótima ideia:

A ideia aqui, é que as pílulas são ótimas aliadas na saúde e crescimento capilar, desde que seja ingerida a pílula correta diariamente. Nos últimos tempos, tem se falado muito de uma pílula, que é um diferencial no mercado, já que ela traz todas vitaminas que um cabelo precisa para se manter saudável.

O nome dessa pílula é Beautvip, e ela é simplesmente incrível. Pegamos alguns relatos de pessoas que já a experimentaram, e só ouvimos resultados positivos, por que além de ajudar na saúde e fortalecimento capilar, ela mantém as unhas fortes e pele macia e brilhante. Talvez seja uma ótima ideia investir em um produto assim.

Aplicar um pouco de água fria nos fios:

O ideal segundo especialistas, é que lavemos o cabelo com água fria sempre que possível. Mas nem sempre isso é uma opção, então a ideia, é que se lave o cabelo com água em uma temperatura agradável (jamais quente demais), e após o banho, dar um jato de água gelado nos fios.

Com isso, é possível evitar a oleosidade em excesso, fechando as cutículas do cabelo.

As dicas de hoje terminaram, mas você pode seguir diretamente para a página da Beautivip, para conhecer os milhares de benefícios desse incrível produto.

Como Lavar e Cuidar de Suas Roupas de Viscose ou Rayon

A viscose é uma fibra artificial que tem adquirido grande presença no mercado graças aos seus excelentes resultados ao nível da maciez, leveza, frescura e conforto, pois permite criar peças de roupa leves e com grande movimento. No entanto, também é um tecido delicado, por isso o seu cuidado suscita muitas vezes um grande número de dúvidas. Uma das grandes dúvidas é como lavar a viscose para não estragar nossas vestes; outras questões estão ligadas à sua secagem e passagem a ferro.

O que é viscose?

Em primeiro lugar, é conveniente saber mais sobre este tecido. A viscose, também conhecida como rayon, é a primeira fibra celulósica artificial e uma das mais utilizadas na confecção de roupas em todo o mundo para criar blusas, vestidos, lingerie, gravatas e até roupas esportivas ou de cama. Brilhante como a seda, é feito de celulose extraída da madeira e se caracteriza por sua alta respirabilidade.

Como lavar viscose ou rayon à mão

Para lavar a viscose manualmente, pegue um balde, encha-o com água fria e adicione a dose recomendada de sabão líquido.

As roupas de rayon ou viscose são especialmente frágeis quando molhadas. Portanto, recomendamos que você o lave à mão sempre que puder. Claro, lembre-se que você nunca deve torcer ou escorrer este tipo de roupa, pois pode danificar suas fibras.

Como lavar viscose ou rayon na máquina de lavar

Embora nossa recomendação seja que você lave suas roupas de viscose à mão, é possível que em alguma ocasião você não tenha escolha a não ser usar a máquina de lavar. Nestes casos, aconselhamos que aproveite para o fazer em conjunto com outras peças de vestuário semelhantes, que necessitem de cuidados especiais, evitando assim atritos e rasgos.

Você pode colocar todas as roupas de viscose em um saco de pano ou capa para lavar. Esta é uma medida que o ajudará a protegê-los não só do atrito com outras roupas, mas também do contato com o tambor da própria máquina de lavar.

Por fim, selecione um programa com um ciclo especial para roupas delicadas, sempre em temperatura baixa, e adicione a dose recomendada de sabão líquido.

Dicas para secar e passar roupas de viscose

Uma vez que a questão de como lavar roupas de viscose à mão e na máquina de lavar for resolvida, vamos agora nos concentrar em secá-las e passá-las. Alguns processos igualmente importantes para garantir o máximo cuidado deste tecido.

Remova a umidade da roupa antes de secar. Para fazer isso, você pode escolher agitar cuidadosamente a roupa ou enrolá-la em uma toalha seca e aplicar uma pressão suave que não a danifique.

Evite a secadora. Usar a máquina de secar para secar roupas de viscose é um risco para o tecido, pois pode se deteriorar. Por este motivo, recomendamos que opte por secá-los ao ar, de preferência colocando-os sobre uma superfície plana à sombra.

Passe sempre as roupas do avesso. Você deve sempre passar suas roupas de viscose do avesso para evitar danificar as fibras e criar um brilho desagradável nas roupas. Você também pode umedecer levemente a roupa e colocar um pano branco entre a superfície quente do ferro e a roupa: isso protegerá o tecido.

Como lavar a viscose para não encolher ou deformar

Se não for lavada corretamente e não for tratada com cuidado suficiente durante a secagem e passagem a ferro, a viscose é muito sensível ao encolhimento. Portanto, se você deseja evitar o encolhimento desse tecido e que suas roupas estejam sempre impecáveis, não se esqueça de seguir os conselhos que destacamos a seguir.

Verifique a etiqueta da roupa. Em primeiro lugar, é importante verificar a etiqueta de cuidado da roupa, uma vez que algumas peças de viscose não são laváveis. Certifique-se antes de prosseguir com a lavagem ou, caso contrário, você pode danificar suas roupas.

Use um detergente que cuide bem do tecido. É imprescindível que você use um detergente para roupas delicadas que garanta o cuidado de suas peças de viscose.

Faça a lavagem com água fria. Quer vá lavar as suas peças de viscose à mão ou se o fizer na máquina de lavar, é essencial que a água esteja a uma temperatura baixa. A água quente pode ter efeitos negativos sobre esses tipos de roupas.

Recolher todos os itens delicados na máquina de lavar. Como mencionamos acima, se você for lavar viscose na máquina de lavar, certifique-se de reunir todas as peças desse mesmo tecido para protegê-lo de possíveis danos. Além disso, você pode adicionar proteção extra colocando-os dentro de uma capa.

Evite usar a secadora. Sempre que possível, é preferível secar as peças de roupa ao ar. Se você quiser tirar toda a umidade de suas roupas, pode envolvê-las em uma toalha branca e pressioná-las suavemente antes de esticá-las, como já dissemos.

Não torça roupas de viscose. Você deve evitar torcer as roupas feitas deste tecido a todo custo, mesmo quando estiver tentando torcer. Forçar este tecido pode fazer com que suas roupas fiquem deformadas ou rasgadas.

Lave imediatamente se transpirarmos. Como já mencionamos, a viscose absorve umidade facilmente. Isso significa que, se suamos ao usar uma vestimenta de viscose, devemos lavá-la o mais rápido possível. Caso contrário, o tecido, além de estar danificado, pode receber o odor.

Saber todas essas dicas de como lavar a viscose e garantir seu cuidado durante todos os processos é fundamental para evitar que esse tipo de vestimenta se deteriore antes do esperado. Pela nossa parte, asseguramos que, se seguir estas recomendações, ficará com a sua vestimenta de viscose como no primeiro dia.

Dicas de como decorar unhas

Unhas compridas são as manicures de Marcia Brady – elas chamam toda a atenção e não conseguem deixar de se mostrar um pouco, exibindo seus intrincados desenhos e formas em todo o Instagram e Pinterest.

Quando uma nova tendência de design aparece, quase sempre é mostrada em unhas compridas, o que não é justo em unhas curtas!

Unhas curtas são como Jan Brady, a irmã do meio que às vezes é esquecida, mas definitivamente merece os holofotes, assim como sua irmã mais velha.

Se você é alguém que nunca sucumbe ao canto das sereias das unhas de acrílico, mordedor de unhas, ou se é amaldiçoado com unhas fracas que simplesmente não crescem, não importa quantos abacates você coma, não se preocupe.

Você e suas adoráveis ​​unhas curtas ainda podem travar. De fato, essas manicures parecem incríveis em todos os comprimentos, especialmente shorties como o seu (e o meu).

Este design simples de unha de duas cores parece ultra sofisticado em unhas mais curtas

 

Prova de que a manicure francesa pode ser qualquer coisa, menos básica. Esta manicure de lavanda com desenhos florais não poderia ser mais fácil de recriar em casa – além disso, o belo efeito ombré permite fazer as unhas parecerem naturalmente mais longas.

Esta adorável manicure com carinha sorridente pode ser facilmente alcançada com apenas três cores (nude, amarelo e preto), juntamente com uma ferramenta confiável de pontilhado.

Uma pequena estampa de oncinha ajuda muito – especialmente quando se trata de apimentar unhas curtas.

Unhas verdes e douradas são sempre lindas, mas ficam ainda melhores quando têm um acabamento aveludado como essas.

Se você está a procura de como fazer unhas decoradas, eu posso te indicar um curso mega incrível no qual terminando ele você já poderá sair faturando dinheiro.

Isso mesmo, pois depois de terminado o curso, se você quiser trabalhar na área é possível pois você sairá do curso uma profissional. Basta clicar aqui para acessar o curso.

Porque todo mundo gosta de algumas boas antiquadas Flower Power de vez em quando

Preocupado suas unhas curtas não será notado? Basta adicionar um pouco de brilho e pronto.

Estamos apaixonados por esse estilo sutil e estrelado, que pode funcionar com qualquer cor de unha que seu coração desejar.

Quão radical é essa manicure mágica do arco-íris? Seus dígitos serão o assunto da cidade quando você sair com esse visual.

Conheça os principais mitos sobre o Botox

A aplicação do Botox, a toxina botulínica é, com toda certeza,  um dos procedimentos estéticos mais realizados atualmente.  A constante procura por esse procedimento se deve ao fato dos inúmeros benefícios que essa substância oferece ao rejuvenescimento facial.

Também, como a procura por Cirurgia plástica Brasília e procedimentos estéticos está cada vez maior, é normal que surjam alguns mitos a respeito deles. E com a aplicação do Botox não poderia ser diferente, já que se trata de um procedimento muito comentado e que também cercado por diversos mitos.

Assim, a melhor forma de solucionar as suas dúvidas sobre o Botox é visitando um cirurgião plástico, mas antes de fazer isso, confira abaixo alguns dos principais mitos sobre a aplicação da toxina botulínica.

A aplicação do Botox

A toxina botulínica tem como a ação “paralisar” o movimento muscular que é responsável pelo aparecimento de rugas.

Essa paralisação dos músculos proporciona um rejuvenescimento, já que ocorre um impedimento das contrações musculares responsáveis pela formação de ruga. Mas, antes de decidir realizar ou não este Cirurgia plástica Brasília É fundamental conhecer os principais mitos que cercam o Botox.

Os resultados do Botox

É mito que os resultados do Botox são permanentes, e que assim ele deve ser aplicado apenas uma vez: Mito. Saiba, que os resultados da aplicação do Botox costumam durar apenas seis meses.

Assim, após esse tempo os músculos voltam a contrair e as linhas de expressões voltam a ser como antes. Por isso, para que os resultados do Botox sejam mantidos por mais tempo é importante realizar o procedimento de acordo com a indicação do seu Cirurgião plástico em Brasília.

Aplicações do Botox

É mito que o Botox funciona somente apenas para eliminar rugas e linhas de expressão, já que a aplicação da toxina botulínica também é realizada para bloquear glândulas sudoríparas para minimizar a transpiração excessiva.

Também, em alguns casos, a aplicação do Botox pode ajudar no tratamento de pessoas que sofrem com depressão e ainda diminuir crises de enxaqueca.

O Botox é só para mulheres?

É mito que o Botox é indicado apenas para as mulheres, sendo que elas são apenas as que mais procuram o procedimento, mas isso não quer dizer que os homens não podem realizar a aplicação.

Ainda, os homens cada vez mais estão preocupados com a aparência e com o passar dos anos sobe o número de homens que estão procurando pelo Botox.

O Botox tem idade para aplicação?

É mito que o Botox é indicada apenas para pessoas jovens, ainda mais, uma pessoa jovem não possui rugas, então porque ela realizaria a aplicação?

Como a substância botulínica consiste em paralisar os músculos, é importante saber que cada caso é um caso e algumas pessoas estão propensos a ter linhas de expressões antes dos 30.

Porém, é recomendável esperar até os 25 anos para começar a aplicar o Botox, porém  é importante que a aplicação seja indicada por um Cirurgião plástico em Brasília.

Efeito do Botox

É mito que a Toxina Botulínica deixa o rosto com paralisado e artificial, porém isso depende, já que a  aplicação da toxina botulínica deve proporcionar resultados que sejam naturais, mas quando a pessoa não escolhe um médico especializado para realizar o procedimento, ela corre o risco de sofrer com essas complicações.

Assim, o resultado pode um rosto sem expressão, como também uma assimetria nos lados do rosto. Também, uma aplicação mal feita pode inclusive, prejudicar os movimentos faciais, como mastigar, piscar e até mesmo respirar. Por isso, é fundamental que você procure por um médico especialista e confiável para realizar a aplicação do Botox em seu rosto.

« Older posts

© 2022 Cidan Dicas

Theme by Anders NorenUp ↑