um produto ou medicamento para a saúde e aguardar a chegada da demanda, agora os usuários obtêm informações sobre saúde pela internet e isso influencia na sua tomada de decisão.

Aqui estão 4 fatos que você deve levar em consideração em sua estratégia e porque a presença digital é importante no setor de saúde.

Confira também – Marketing para Médicos – Aumente o alcance do seu consultório

1- Aumenta a busca por informações de saúde na internet

Uma em cada 20 buscas no Google são por informações relacionadas à saúde, como hospitais, seus departamentos ou médicos ou doenças e seus sintomas e tratamentos.

2- O conteúdo é uma chave importante para o processo de decisão

Como pode ser visto no gráfico anterior, os usuários são mais propensos a buscar informações de saúde online, mas ao mesmo tempo têm dúvidas sobre a confiança e confiabilidade conferidas.

Apenas 43% têm confiança suficiente nas informações obtidas. 93% confiam mais no médico, 84% na enfermagem, 80% na farmácia e 75% nas associações de pacientes.

Portanto, uma estratégia de conteúdo para web, blog, redes sociais ou via e-mail que inclua white papers, checklists, ebooks, vídeos voltados para educar e criar uma experiência personalizada, será um elemento fundamental para estabelecer uma relação de confiança com nosso público e alcançar mais pacientes ou vendas.

3- O que outros comentam nas redes sociais influencia na escolha do centro médico

-41% levam em consideração o que é dito nas redes sociais ao escolher um determinado médico, hospital ou centro médico.

-40% levam em consideração as informações das redes sociais para atuar contra uma doença crônica ou sobre como fazer dieta e exercícios.

-25% dos pacientes com uma doença usam as redes sociais para ver testemunhos de outras pessoas que sofrem dela.

4- A eHealth está crescendo: mHealth, Werables e telemedicina.

-Mais de 76% das pessoas usariam um wearable se seu próprio médico o recomendasse. 71% dos que já possuem um wearable o utilizam todos os dias.

-Em 2015, os aplicativos de saúde tiveram cerca de 3.000 milhões de downloads e espera-se que em 2016 o uso de aplicativos de saúde móvel duplique.

-72% dos consumidores com idades entre 18 e 44 estão interessados ​​no uso de serviços de telemedicina.

O setor deve se adaptar, entender que a presença digital é fundamental e estar em dia com as tendências de marketing digital do setor, as empresas que o fizerem estarão um passo mais perto do sucesso.